Acne e sequelas



A acne caracteriza-se por uma inflamação da pele de causa bacteriana caracterizada por erupções superficiais na pele, que são ocasionadas pela obstrução dos poros da mesma como consequência das mudanças na junção pilossebácea e pela influência hormonal, portanto a causa principal da acne é hormonal, tudo o anterior é subsequente.

  • Leve: pontos negros e espinhas.

  • Moderado: pústulas e pápulas.

  • Moderadamente grave: nódulos, quistos e pápulas simultaneamente e associados.

  • Grave: zonas de nódulos e quistos dolorosos, de pústulas e pápulas e de pontos negros e espinhas, tudo ao mesmo tempo.

O tratamento é variado e depende das circunstâncias. É importante o tratamento para evitar as sequelas da acne, como marcas, manchas e pequenas cicatrizes      na pele, denominadas como “pico de gelo”.

Na Máxima Estética temos múltiplos tratamentos para a acne desde o mais convencional como medicamentos orais e tópicos, até ao LASER DE CO2 para as    cicatrizes, passando por outros tratamentos tais como peeling de fenol, acido salicílico, mesosanguis, etc.

Acne, um repto para a dermatologia e medicina estética. As aplicações tópicas mais os antibióticos e os novos tratamentos médico-estéticos têm êxito. Ainda     não existe uma cura para a acne, mas uns novos tratamentos podem fazer com que este flagelo comum na adolescência seja mais fácil de tratar, afirmam    dermatologistas e médicos estéticos.

"As coisas estão muito melhor hoje em dia porque há muitas opções para tratar a acne", os jovens não têm necessidade de sofrer desta doença tão traumatizante   com todos os avanços da dermatologia e da medicina estética: os peeling, a dermoabrasao a mesoterapia, o mesosanguis, o plasma rico em plaquetas, a luz led,  o LASER, e os tratamentos cosméticos tornam mais suportável esta doença que causa tantos complexos e angustias na etapa mais bonita da vida, a adolescência. "O mundo das prescrições médicas mudou realmente nos últimos 10 anos. Estamos muito melhor equipados para enfrentar todos os diferentes tipos de acne".

Todos os poros da pele contêm uma glândula que produz gordura, conhecida como glândula sebácea. Quando essas glândulas produzem demasiada gordura, o poro pode ficar obstruído. Entretanto, as impurezas provocadas pela poluição do meio ambiente, pelas bactérias e pelas células mortas da pele podem acumular-se dentro do poro. Isto provoca as borbulhas com pus, os pontos negros, as espinhas e outras formas de lesões na pele. Qualquer pessoa pode contrair acne: homens e mulheres, e pessoas de todas as raças. Embora comumente seja considerada como um problema da adolescência, os adultos também podem contrair acne. Calcula-se que oito em cada 10 pessoas tenham erupções na pele em algum momento das suas vidas.

As mudanças hormonais costumam ter que ver com a acne. Tal poderia ajudar a explicar o porquê dos adolescentes e das mulheres grávidas contraírem acne com frequência. Este problema também pode ser hereditário. Embora existam tratamentos efetivos pode passar algum tempo antes de que os pacientes notem uma melhoria, é importante ficar calmo, ser persistente e cumprir o tratamento indicado na sua totalidade, assim como assistir às consultas de controle marcadas pelo médico.

Mudar de médico constantemente não adianta para a melhoria da doença, a acne aparece de forma espontânea, é preferível ter um médico que dê continuidade e seguimento à sua doença. Os produtos de venda livre em farmácias podem funcionar em muitos casos mas sem o seguimento de um médico não será possível a melhoria e a cura da acne. Para os casos mais graves que não se eliminam em poucos meses, o dermatologista pode receitar medicamentos mais fortes. Os regimes de tratamento que resultam em êxito frequentemente incluem medicamentos aplicados diretamente na pele para além de antibióticos orais. Esta estratégia ajuda a dirigir-se às várias causas e aos efeitos secundários da doença.

O tratamento depende da gravidade da acne, do tipo de acne, de onde ela está situada e da preferência e motivação individuais dos pacientes para o tratamento. Os tratamentos para a acne só são efetivos se forem usados de acordo com as indicações do dermatologista, a acne é uma doença complexa que requer seguimento médico. Outras formas mais invasivas nas quais os dermatologistas e médicos estéticos podem tratar as formas graves de acne incluem o peeling químico, a microdermoabrasão e as tecnologias laser de CO2 para as cicatrizesTodos estes métodos têm ajudado os dermatologistas a incutir esperança aos pacientes cuja doença lhes causa distresse emocional.

Na Clínica Máxima Estética tratamos a acne nas três vertentes, dermatológica, médico estética e cosmetológica. Utilizamos os recursos médicos, farmacológicos, cosméticos, e médico estéticos, e também damos apoio psicológico ao paciente. Garantimos a melhoria e, em alguns casos, a eliminação total da acne mediante tratamentos mais efetivos para esta doença. Usamos técnicas muito poderosas como a mesosanguis e o peeling para a acne ativa, e o LASER DE CO2 e carboxiterapia para eliminar as cicatrizes. Apoiamos esta consulta com outras especialidades fundamentais na avaliação do paciente com acne, como a ginecologia para o controle das hormonas, e a psiquiatria para o controle psicológico do paciente.

Se sofres de acne, não duvides em visitar-nos, podemos ajudar-te, guiar-te, para que possas melhorar o aspecto da tua cara e não sintas vergonha de te mostrares livremente, tal como és, ajudamos-te em tudo, é o nosso compromisso…

E mais, …

Se és estudante tens um dia na semana, A SEGUNDA FEIRA, em que terás 10% de desconto –basta mostrares o teu cartão de estudante-

CONTACTA COM A MÁXIMA ESTÉTICA E PEDE A TUA CONSULTA DE DERMATOLOGIA PARA ACNE, PELO TELEFONE 917 753 834.

Estamos na Rua Comandante Valódia 106, Maculusso, Ingombotas, Luanda.